quarta-feira, 26 de julho de 2017

Os Trapalhões (2017) : A televisão brasileira ainda tem bons programas !




Imagem: Artur Meninea / Gshow, Rio de Janeiro

Por Calil Neto

O quê o Chaves e o Chapolin representaram no humor para o México, o humorístico Os Trapalhões representou para o Brasil. O reboot-sequência do clássico programa Os Trapalhões que estreou na segunda-feira, dia 17 de julho, tem boa vinheta e mantém fiel a trilha original e começa na esquete com Didi e Dedé em um berçário no hospital para visitar os bebês (com o belo uso de efeitos digitais) dos novos Trapalhões, Didico (Lucas Veloso), Dedeco (Bruno Gissoni), Mussa (Mumuzinho) e Zaca (Gui Santana). Lembraram até do icônico Tião Macalé (adorava ele!) com seu NOJENTO! interpretado por Nego do Borel. O ator Ernani Moraes faz o novo Sargento Pincel. Os novos personagens segundo retratou o ator e comediante Gui Santana ao Blog do Calil Neto em bate-papo são recriados a partir dos personagens antigos, não sendo eles filhos dos personagens clássicos.   




Todos os personagens estão muito bem representados, mas o que mais se assemelham mais com os antigos personagens são o Mussa e o Zaca: os dois estão mandando muito bem! Os movimentos corporais, TUDO! O movimento dos lábios e face do Zaca. Eu acredito que Didico e Dedeco não são tão parecidos para não confundir com os veteranos Didi e Dedé que também estão no elenco.  E tem participação de alguns artistas como o cantor Luan Santana.



A esquete em que Didico interpreta um cabeleireiro é demais. Chega um cara FODÃO com grande cabelo, sendo que o cabelo deixa o cara FORTAÇO. Didico começa a falar no telefone e passando as coordenadas da localização de um certo lugar corta o cabelo inteiro do CARA FODAÇO, deixando o cara careca e o deixando sem poder e fragilizado. Tem a esquete que entra um zumbi (algo que não veríamos em um passado tão distante) em uma farmácia e descobrimos que o local está passando por uma invasão zumbi e os trapalhões na rua começam a dançar com eles que nem no famosíssimo e ótimo clipe Thriller do popstar Michael Jackson. Tem as esquetes que se passa em uma baladinha. Vale frisar que tem algumas esquetes bobinhas, mas nada que estrague a beleza desse novo trabalho parceria Viva com a Globo.  




 
O novo Tião Macalé.

Esse novo reboot, também de programas clássicos antigos da Globo como aconteceu também com a Escolinha do Professor Raimundo em 2015, prova mais uma vez que a televisão brasileira ainda tem bons programas e PRINCIPALMENTE BOA DIVERSÃO.O novo Os Trapalhões estreia em setembro na grade da Globo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário