Jô Soares afirma no #Provoca que espera deixar como seu legado a alegria e a esperança.




Foto: Reprodução/ TV Cultura




Por Calil Neto

10 de março de 2020.

#Provocações tem muitas novidades em 2020 como um novo cenário na telinha da TV Cultura e novo nome. Nesta segunda temporada agora o #Provoca traz como primeiro convidado de Marcelo Tas o apresentador e humorista Jô Soares aos 82 anos que fala de sua vida pessoal como os casamentos que teve, seu filho excepcional em todos os sentidos Rafinha ( Rafinha era autista e genial!), sua carreira em programas de humor como o memorável Viva o Gordo, seu personagem Capitão Gay, os talk shows bem sucedidos que comandou tanto no SBT quanto na Rede Globo. Fala da política atual brasileira com o governo de Jair Bolsonaro, censura do governo e o humor politicamente correto  tanto debatido em nossa sociedade, sem falar nas fakes news a seu respeito como a que ele estaria com uma UTI dentro de sua casa. Espera com a morte deixar a alegria e a esperança em algumas pessoas. Para ele o suicídio é a ausência total de humor sendo totalmente contra o infeliz ato. Jô divulga seu novo trabalho como diretor de peça de teatro com uma montagem da peça Gaslight que segundo Jô a peça examina as diferentes facetas da masculinidade tóxica. Vale lembrar que com todo respeito Jô estava bem buchechudinho no programa...


Comentários