Adnight é uma reinvenção do próprio Adnet e mostra evolução da Globo.





 
Por Calil Neto

Ver Marcelo Adnet cantando no programa é demais. Diferente. Com participação no late show (algo do tipo como show noturno) misturado com talk show e com direito à  bandinha musical e algumas esquetes de humor temos Adnight que recebe grandes atores e humoristas como Leandro Hassum, Wellington Muniz, Marco Luque, Eduardo Sterblitch e Dani Calabresa, em um programa que está caprichado. Algo que eu nunca tinha visto na televisão brasileira, e os convidados participam de games. Adnet imitando Sílvio Santos, o dono do SBT mostra uma evolução da própria Rede Globo em homenagear um ícone de uma emissora concorrente. Não lembro se a Globo já homenageou o Sílvio no Criança Esperança, mas o fato da emissora permitir que Adnet imite um ícone de uma emissora concorrente, já mostra um amadurecimento da emissora. Era mais fácil ver o Wellington Muniz imitando o Sílvio na época do Pânico na Band, mas ver o Adnet imitando na Globo é sensacional. Wellington Muniz imitando o Datena da Band é outro exemplo. Legal eles unirem humoristas de gerações diferentes, como Paulo Silvino.

Leandro Hassum voando como se fosse o Superman com Adnet é foda, usando a técnica de Chroma key

Aproveitando o post eu reafirmo Leandro Hassum é o cara ideal para reviver o Capitão Gay, personagem de Jô Soares do clássico programa Viva o Gordo. 


Adnight é uma reinvenção do próprio Adnet e mostra uma notável evolução da Globo. 





Comentários