quinta-feira, 14 de outubro de 2010





Por Calil Neto

- O Ministério Público Eleitoral (MPE) entrou com uma representação junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra o jornalista Paulo Henrique Amorim (olá tudo bem?) por suposta propaganda irregular favorável à candidata Dilma Rousseff (PT).

- O MPE teria reconhecido a propaganda a partir de um trecho publicado no blog de Amorim em que se lia "tem de ser de goleada! Dilma 13 Para o Brasil Continuar Vencendo!".

- A representação feita ao TSE se baseia na Lei das Eleições, que não permite a veiculação de "propaganda eleitoral na internet, em sítios de pessoas jurídicas, com ou sem fins lucrativos".

- Caso o apresentador do Domingo Espetacular seja condenado, ele pode pagar uma multa de R$ 5 mil a R$ 30 mil.

Fonte: rd1audiencia.com

Qual a sua opinião leitor em relação a essa norma da Lei das Eleições? Não emitir opinião e favorecer candidatos em blogs e sites... Existe censura na internet?

Que coisa!!!! Cuidado tchurma com o TSE e o Bispo Edir Macedo...

Colaboração: Marcelo Senna

Um comentário:

  1. Olha...eu sou a favor da liberdade de opinião. Só que no caso do PHA não é apenas a net que é utilizada, ele se utiliza de uma rede político-religiosa-empresarial que visa apenas o crescimento do império de Macedo. E para isso, tem em suas pautas uma parcialidade que é notada sem muitas análises profundas, com um ufanismo que beira o insano. E isso só vem aumentando nos últimos anos e irá aumentar mais ainda com a continuidade do pt no governo próximo.

    ResponderExcluir